Mónica Barbosa

Mónica Barbosa

Redatora de notícias de Ciência - 119 artigos

Mónica Barbosa é licenciada em Geografia pela Faculdade de Letras da Universidade do Porto, pós-graduada em Gestão dos Recursos Naturais pela Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro, a frequentar o Mestrado em Riscos, Cidades e Ordenamento do Território na área de Prevenção de Riscos e Ordenamento do Território, na Faculdade de Letras da Universidade do Porto.

Com particular interesse pela compreensão das diferentes manifestações dos estados de tempo, caracteriza-a uma especial paixão pelo estudo das dinâmicas que inferem no comportamento da climatologia, do ambiente e por inerência, na vida do Homem neste belo planeta azul. Integrou este projecto numa perspectiva de contínua aprendizagem, auspiciando poder contribuir positivamente para o seu continuo sucesso. Profissionalmente, é colaboradora do Ministério da Defesa Nacional, fundamentalmente na área da Logística – Aquisições.

Artigos de Mónica Barbosa

Fitoplâncton: a maior fábrica de ar!
Ciência

Fitoplâncton: a maior fábrica de ar!

Todo o oxigénio atmosférico resulta da existência de vida no planeta. Ao longo de cerca de 2 biliões de anos, minúsculos seres como as cianobactérias, produziram e libertaram oxigénio que se foi acumulando, representando atualmente, 21% dos gases que compõem a atmosfera.

A imprescindível relevância das nanopartículas, o Homem e o clima!
Ciência

A imprescindível relevância das nanopartículas, o Homem e o clima!

A relevância da composição e comportamento da atmosfera repercute-se em processos vitais na Terra como respiração e fotossíntese. Porém, a conjugação de gases particulados, aerossóis, com vapor de água, condicionam o balanço energético do clima do planeta. Contamos-lhe mais aqui!

Prendamo-nos à fugacidade do arco-íris
Ciência

Prendamo-nos à fugacidade do arco-íris

A energia da luz do Sol balizada na atmosfera do planeta, impele a uma dinâmica constante que propicia a ocorrência de extraordinários eventos meteorológicos, quer pela admirável beleza, quer pelo poder transformador.

Solstício de inverno: mais próximos ao Sol, mas com mais frio!
Atualidade

Solstício de inverno: mais próximos ao Sol, mas com mais frio!

Num sincronizado bailado eclíptico descrito pelo Sol entre as estrelas ao longo do ano, fenómenos astronómicos marcam na Terra o início de novos ciclos com implicação na duração e na temperatura dos dias, aos quais se associam rituais e festas. Hoje é o dia mais curto do ano!

Sol, o 'bombeiro' higienizador
Ciência

Sol, o 'bombeiro' higienizador

À boleia de uma titânica nuvem interestelar, um poderoso corpo de fusão nuclear orquestra a viagem galáctica de uma equipa de corpos celestes. Planetas, satélites naturais e inúmeros corpos menores como asteroides, cometas, meteoros, e seres vivos, orbitam e alimentam-se do astro rei Sol.

A inconstância da circulação atmosférica
Ciência

A inconstância da circulação atmosférica

O dinâmico mecanismo climático balanceia o seu delicado equilíbrio em função de todo um conjunto de variáveis atmosféricas, estas em participativa conjugação com os forcings que caracterizam a litosfera, a hidrosfera, a criosfera e a biosfera do planeta.

A premente sustentabilidade do 'ouro azul'
Ciência

A premente sustentabilidade do 'ouro azul'

Correspondendo a aproximadamente 360 milhões de km2, 2/3 da superfície da Terra são ocupados por água. Um planeta coberto por um manto azul, uma riqueza líquida que balanceia o equilíbrio climático e alavanca a existência de vida.

Vivemos alheados da perniciosidade do metano
Ciência

Vivemos alheados da perniciosidade do metano

Na atmosfera, a concentração desequilibrada dos gases com efeito estufa, acrescida dos efeitos antropogénicos à natural reorganização climática, exponenciam a ocorrência de graves alterações nos padrões climáticos, os quais se manifestarão, com menos espaçada frequência, ao longo do século XXI.

O 'ouro verde' do deserto
Ciência

O 'ouro verde' do deserto

Representando aproximadamente 61 milhões de km², equivalente a metade da área emersa livre de gelo, as vastas áreas secas do planeta rompem o inóspito deserto ao albergarem plantas de aparência distinta, singular beleza, importância medicinal e potencial energético - os cactos.

O óleo de palma e a sede consumista
Ciência

O óleo de palma e a sede consumista

Apesar do optimum climático criado há milhares de anos, ao longo da história da Terra, esse equilíbrio oscilou ficando gradualmente mais quente, ou mais frio, durante longos períodos de tempo. Porém a antropogenia veio acelerar o ritmo natural da inevitável cíclica reorganização climática.

Gorongosa, a 'fénix' dos Parques Naturais
Ciência

Gorongosa, a 'fénix' dos Parques Naturais

Todo o destino turístico está dependente não só do seu intrínseco valor natural, mas também de aspetos socioeconómicos. Aqui contamos-lhe a grandiosidade natural, mas também a vulnerabilidade decorrente dos impactes antrópicos do Parque Nacional da Gorongosa! Viajamos até lá?

A intensa vida solar
Ciência

A intensa vida solar

O Sol é a fonte de energia que possibilita a existência de água em estado líquido, fomenta a fotossíntese da flora que por sua vez oferece O2 à fauna e cria condições de optimum que permitem a prosperidade da espécie humana.

O ciclo hidrológico dos jeans
Ciência

O ciclo hidrológico dos jeans

Os efeitos antropogénicos impactuam primeiramente no próprio homem, este assombrosamente mais vulnerável na métrica temporal do que o planeta. Os resíduos da lavagem de roupas representa cerca de 60% das micropartículas poluentes da água potável. Bebemos parte da nossa roupa!

A beleza das bactérias plasmada na água
Ciência

A beleza das bactérias plasmada na água

Contrariamente à associação nefasta a doenças, as bactérias são indispensáveis ao funcionamento da biosfera, contribuindo para a manutenção dos organismos vivos, assim como, para o equilíbrio da estrutura química do planeta.

Géiseres, os 'espirros' do planeta!
Ciência

Géiseres, os 'espirros' do planeta!

O planeta Terra é um lugar que personifica a obra contínua do agente tempo. Um sistema dinamicamente vivo que exibe fenómenos naturais, como os géiseres, incubando incríveis formas de vida que constituem a biota do próprio planeta. Saiba mais aqui!

As trovoadas também fazem parte do verão!
Ciência

As trovoadas também fazem parte do verão!

A volubilidade da presença de vapor de água na camada mais baixa da atmosfera, influi no equilíbrio percentual dos restantes componentes, e por inerência, com a dinâmica atmosférica. Anualmente, ocorrem 16 milhões de tempestades com trovoada no planeta. Saiba mais aqui!

O vento que atufa de areia as toalhas de praia
Ciência

O vento que atufa de areia as toalhas de praia

Aproveitado como meio propulsor de navios desde o antigo Egipto, e tendo sido fulcral para o apogeu atingido com a era dos descobrimentos, o vento desempenhou desde sempre papel determinante no desenvolvimento da espécie humana.

O efeito do vento no oceano
Ciência

O efeito do vento no oceano

Ocupando 71% da superfície do planeta, o manto oceânico desempenha preponderante papel na regulação do clima e por inerência da vida, uma vez que, o processo fotossintético desenvolvido pelos microorganismos aquáticos, liberta 70% do O2 presente na atmosfera. Saiba tudo aqui!

Os habitantes marinhos como alimento das modas sociais
Ciência

Os habitantes marinhos como alimento das modas sociais

A permanente interação dos subsistemas atmosfera, biosfera, geosfera e hidrosfera que compõem o sistema aberto Terra, resultam no perfeito equilíbrio simbiótico que possibilita a existência de vida no planeta. Conheça o importante papel que o marisco desempenha!

O Sol: a energia que oferece e o calor que sentimos
Ciência

O Sol: a energia que oferece e o calor que sentimos

Similar a incontáveis tantas outras estrelas no Universo, o Sol personifica uma poderosa máquina energética que oferece a cada segundo, por cada metro quadrado da Terra, a potência energética equivalente a 14 lâmpadas de 100W. Saiba mais aqui!

1 2 3 4 5