tempo.pt

Tempo este fim de semana: soalheiro, mas com contrastes térmicos

Estamos prestes a entrar no segundo fim de semana do mês de outubro e em muitas regiões portuguesas o calor estival ainda permanece, para além de uma estabilidade meteorológica que não mostra sinais de abalo. Como vai estar o tempo nos próximos dias? Saiba mais aqui!

outono; sol; mulher
O tempo soalheiro e estável vai permanecer por mais alguns dias, apesar do contraste térmico cada vez mais evidente.

O tempo tem estado soalheiro e estável em Portugal continental nos últimos dias, com algumas regiões portuguesas inclusive a terem alcançado ou superado os 30 ºC. Para já, tudo indica que este panorama deverá manter-se semelhante no início deste fim de semana.

As cartas sinóticas do modelo do ECMWF apontam para a manutenção deste cenário de estabilidade, sem precipitação estimada para o nosso território e com o predomínio de céu limpo e largos períodos de sol. Nesta sexta-feira e sábado assim será, prevendo-se que as temperaturas se mantenham em geral superiores ao período de referência, ou seja, evidenciando-se anomalia térmica positiva.

Predomínio da estabilidade, a que se deve?

O tempo não tem sofrido variações significativas nos últimos dias. Tudo se deve à enorme influência exercida pelo anticiclone dos Açores, posicionado entre o oceano Atlântico e a Península Ibérica. Este conjunto de altas pressões impede a passagem de frentes frias e massas de ar de latitudes mais setentrionais que eventualmente resultassem na instabilidade meteorológica na geografia luso-continental.

O anticiclone será assim o responsável pela circulação de massas de ar secas e estáveis sobre o nosso país. Ao mesmo tempo, aproxima-se desde o norte/nordeste da Península Ibérica, uma massa de ar frio que ao interagir com o ar mais seco e estável do anticiclone, gerará um gradiente térmico responsável pela intensificação do vento. Durante este fim de semana, o vento vai soprar tendencialmente de norte ou nordeste, fraco, por vezes moderado, com especial incidência nas regiões Norte e Centro.

Prevê-se para sábado (10) temperatura máxima de 24 ºC no Porto, de 27 ºC em Coimbra, de 26 ºC em Lisboa e de 30 ºC em Beja. No entanto, é para domingo que se antecipa uma queda acentuada das temperaturas, com várias localidades a registarem uma descida entre 3 ºC a 5 ºC em menos de 24 horas. A nebulosidade vai estar presente em alguns territórios do litoral Centro, mas em geral teremos ao longo do fim de semana, céu limpo ou pouco nublado de norte a sul do país.

Apesar do calor anómalo e temperaturas em geral superiores à média para esta altura do ano, há uma amplitude térmica cada vez mais evidente entre os dias e as noites. Temos tido temperaturas diurnas dignas de verão numa boa parte do território, mas o vento e a frescura dos fins de tarde já dão sinais de um outono em progressão. Isto é particularmente evidente no interior das regiões Norte e Centro.

E o tempo nos arquipélagos?

No arquipélago dos Açores vai continuar a chover pontualmente ao longo do fim de semana, com enorme influência do vento Nordeste que soprará moderado, esperando-se um panorama de céu nublado, húmido e de alguma variabilidade relativamente ao estado do céu. Teremos períodos nublados e de chuva fraca, com o sol a espreitar algumas vezes. A chuva fraca terá maior pendor no Grupo Ocidental e no Grupo Central.

Relativamente ao arquipélago da Madeira, também as nortadas continuarão a soprar com muita força, antecipando-se um cenário de nebulosidade e chuva suave para sábado, sendo que no domingo deverá só predominar a nebulosidade.