Novembro de 2019 foi um mês chuvoso

Do ponto de vista climatológico o mês de novembro de 2019 classificou-se como um mês frio em relação à temperatura do ar e chuvoso em relação à precipitação. Contamos-lhe todos os detalhes aqui!

Teresa Abrantes Teresa Abrantes 07 Dez. 2019 - 10:24 UTC
Novembro de 2019 classificou-se como um mês chuvoso.

Ao longo do mês de novembro verificou-se uma grande variabilidade dos valores de temperatura do ar e houve uma forte variabilidade espacial na distribuição da precipitação.

Temperatura

De acordo com os dados do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), o valor médio da temperatura mínima, 8.53 °C, é o 3º valor mais alto desde 2000 (mais altos: 2006, 2009, 2014) e foi superior ao normal em 0.62 °C. Valores de temperatura mínima superiores, aos agora registados ocorreram em 30 % dos anos, desde 1931.

O valor médio da temperatura máxima do ar, 15.71 °C, foi 1.11 °C inferior ao valor normal. Valores de temperatura máxima inferiores aos agora registados, ocorreram em 30 % dos anos, desde 1931.

Anomalias da temperatura média do ar no mês de novembro, em Portugal continental, em relação aos valores médios no período 1971-2000.

O valor médio da temperatura média do ar em Portugal continental, 12.12 °C, foi inferior ao valor normal em 0.25 °C. Só em 5 anos, desde o ano 2000, é que foi superior.

Precipitação

Nas regiões do Norte e Centro os valores médios foram superiores ao normal, em particular no Minho e Douro Litoral, enquanto na região Sul os valores foram inferiores, em particular no Baixo Alentejo e Algarve.

Anomalias da quantidade de precipitação no mês de novembro em Portugal continental, em relação aos valores médios no período 1971-2000.

Desde 1931 tem-se verificado ao longo dos anos uma variabilidade grande entre os meses de novembro, com precipitação acima da normal e meses de novembro com precipitação abaixo do normal. Ainda segundo o IPMA, o valor médio da quantidade de precipitação em novembro deste ano foi superior ao normal e corresponde a cerca de 150 % do valor normal mensal.

Monitorização da Seca – Índice PDSI

No final do mês de novembro, verificou-se um aumento dos valores de percentagem de água no solo em relação ao final de outubro em todo o território.

As regiões do Norte e Centro apresentaram mais locais com valores iguais à capacidade de campo, a região do Alto Alentejo com valores superiores a 40% e o Baixo Alentejo e Algarve com valores ainda inferiores a 40%, no entanto já não há regiões com valores iguais ao ponto de emurchecimento permanente.

De acordo com o índice PDSI, índice meteorológico de seca calculado pelo IPMA para monitorização da situação de seca, no final de novembro, houve um desagravamento da situação de seca meteorológica em todo o território do Continente. Grande parte da região Norte e Centro já não está em situação de seca meteorológica. Nas regiões a sul do Tejo mantém-se a situação de seca (moderada a severa), sendo de destacar o sotavento Algarvio ainda na classe de seca extrema.

Publicidade