Fogo de Santelmo nos céus de Espanha: conheça este fascinante fenómeno

No início desta semana, o fenómeno conhecido como Fogo de Santelmo foi registado em vídeo desde um avião em Espanha. O nome sugestivo pode soar perigoso, mas há uma explicação científica tanto para o aspeto que exibe como para o ruído bizarro que emite. Saiba mais aqui!

Na passada segunda-feira (23), desde o cockpit do avião que pilotava, Mario Ortega gravou o fenómeno meteorológico conhecido por Fogo de Santelmo enquanto sobrevoava Espanha, algures entre València e Castellón. Este fenómeno trata-se de uma faísca elétrica contínua, semelhante à que ilumina os letreiros néon. A ciência diz-nos que se forma quando o solo abaixo de uma tempestade está eletricamente carregado e existe alta voltagem no ar entre a nuvem e o solo, isto é, um forte campo elétrico.

A voltagem separa as moléculas de ar e o gás começa a brilhar, originando aquilo que conhecemos por plasma (plasma esse que costuma aparecer em objetos pontiagudos ou que apresentam boa condutividade elétrica devido à ionização presente num campo elétrico). Somente estando o ambiente totalmente escuro é percetível visualizar o resultado da separação exercida nas moléculas de ar: uma fraca luminescência, semelhante a uma chama azul-violeta.

E quanto ao ruído que ouvimos no vídeo abaixo, a que se deve? Da mesma forma que os relâmpagos perturbam o ar envolvente, originando trovões estrondosos, o Fogo de Santelmo também gera um ruído ao interagir com o ar em redor, embora de uma forma mais débil e contínua. E quanto à designação, porque se chama assim? Foi batizado deste modo pelos
marinheiros do mar Mediterrâneo. Eles consideravam que o fenómeno era a visita de Santo Erasmo (ou Elmo), padroeiro dos marinheiros, e geralmente constituía um bom sinal, dado que acontecia nas últimas fases de uma tempestade violenta.