StoreWindows10

Tempo no fim-de-semana: como poderá ser?

Apesar do ritmo de abrandamento de precipitação, ainda assim ela será percetível no Noroeste português ao longo deste fim-de-semana. Espreite as previsões do tempo para Portugal Continental e Regiões Autónomas no primeiro fim-de-semana de dezembro!

Alfredo Graça Alfredo Graça 30 Nov. 2018 - 11:02 UTC

Hoje teremos um céu geralmente muito nublado, com a névoa a dissipar-se gradualmente ao longo do dia. Serão percetíveis aguaceiros fracos até início da tarde no litoral norte, especialmente na região Minhota.
O vento soprará fraco a moderado do quadrante norte atingindo até 30 km/h e deverá formar-se geada em alguns pontos do interior Norte e Centro. A temperatura máxima sofrerá uma pequena descida na região Sul.

Sábado será um dia caracterizado pela presença duma nebulosidade mais espessa em quase todo o território continental, com a presença de nevoeiro durante a madrugada e até final da manhã, podendo persistir em vales dos maiores cursos de água. Prevê-se a queda de precipitação fraca na região do Noroeste, ao final da tarde e a prolongar-se pela noite potenciada pela aproximação de uma frente quente.

Deverá ocorrer nos distritos de Viana do Castelo, Braga e Porto. O vento será em geral fraco do quadrante leste rodando para o quadrante sul na Região Norte a meio da tarde. Verificar-se-á uma pequena descida da temperatura em alguns locais do interior e uma ligeira subida em áreas montanhosas e em alguns locais da região Centro como Coimbra e Portalegre ou até mesmo mais a sul no Litoral algarvio.

No domingo prevê-se a continuidade da nebulosidade, dando lugar a períodos de céu muito nublado, com nuvens altas na região Sul a alternar com abertas e apresentando-se bastante nublado na região Norte. Aliás, espera-se a ocorrência de períodos de chuva fraca ou chuviscos no Minho e Douro Litoral tal como no sábado. O vento será fraco a moderado até 30 km/h do quadrante sul no litoral a norte de Coimbra e nas terras altas do Norte e Centro. Prevê-se uma ligeira subida da temperatura mínima nas regiões Norte e Centro.

E nos Arquipélagos?

Em Ponta Delgada prevê-se o aumento do ritmo e quantidade de precipitação de forma gradualmente intensa entre hoje e domingo, com vento a soprar predominantemente do quadrante sul moderado a forte, oscilando entre os 30 e os 52 km/h. Para domingo prevê-se o aglomerar de condições favoráveis à ocorrência de trovoada, num panorama em que além de chuva fraca deverão ocorrer aguaceiros. A temperatura máxima subirá para os 20 ºC.

No Funchal o céu estará nublado amanhã, com vento do quadrante este a soprar fraco e com a
possibilidade remota de caírem alguns chuviscos. No domingo o vento girará para o quadrante Norte-Nordeste, com menor intensidade e o céu terá apenas alguns períodos nublados. A temperatura máxima vai descer para 19 ºC.

Publicidade