Depois da tempestade, vem a bonança!

Depois de um fim-de-semana marcado por chuvas intensas, inundações e cheias com várias ocorrências a serem registadas pelo país fora, que tempo nos espera esta semana em Portugal... A chuva deu tréguas? Espreite a previsão!

Alfredo Graça Alfredo Graça 12 Nov. 2018 - 05:17 UTC
Esta semana prevê-se melhoria no estado de tempo com céu limpo ou pouco nublado na generalidade do território.

Para amanhã espera-se um amanhecer marcado pela presença de nevoeiro e muitas nuvens com tendência a dissiparem-se ao longo do dia. Prevê-se céu limpo para praticamente todo o país, com exceção de uma ligeira nebulosidade em territórios do Minho como em Viana do Castelo, mais a sul em Aveiro e na ponta meridional de Portugal Continental, com alguma nebulosidade a passear-se pelo distrito de Faro. As máximas sobem ligeiramente no país, mas as mínimas tem tendência a descer. O vento soprará fraco do quadrante leste em especial entre o Minho e Douro Litoral e também na região transmontana, soprando do quadrante Norte nos restantes territórios. Ainda que não deva chover, o tempo manter-se-á fresco e húmido.

Na quarta-feira (14) prevê-se uma pequena subida das temperatura, especialmente na máxima, com céu pouco nublado ou limpo. Prevê-se novamente algum nevoeiro matinal nalguns territórios. No entanto, o aumento de nebulosidade sentir-se-á a partir da tarde na Região Sul (Beja, Évora) e nos territórios do interior Centro (Castelo Branco e Portalegre). O vento soprará fraco a moderado – 30 km/h – soprando por vezes forte nas terras altas do Centro e Sul.

Para quinta-feira (15) está prevista uma pequena subida da temperatura mínima nos territórios do Litoral Norte e Centro, o vento manter-se-á fraco a moderado do quadrante leste soprando entre 20 e 30 km/h. Há uma reduzida probabilidade de precipitação no interior Norte e uma elevada probabilidade de chuva na ponta meridional de Portugal Continental, no distrito de Faro ainda que em pouca quantidade.

Na sexta-feira prevê-se uma subida da máxima nos territórios do litoral Norte, da Região Centro e da Região Sul. Espera-se adensar da nebulosidade na faixa continental que abrange o distrito de Beja, e nos restantes distritos o céu estará limpo ou pouco nublado. O vento soprará fraco a moderado do quadrante leste, por vezes forte no litoral Centro atingindo os 40 km/h.

Ausência de precipitação e apenas uma ligeira nebulosidade a concentrar-se sobretudo na Beira Baixa.

E nos Arquipélagos?

Em Ponta Delgada (Açores), ao contrário de hoje, amanhã já deverá chuviscar ligeiramente esperando-se um aumento radical da probabilidade e quantidade de precipitação para o dia 14. A mínima e a máxima aumentam amanhã para 18 ºC e 21 ºC respetivamente, esperando-se na quinta e na sexta-feira que se mantenham em 15 ºC e 19 ºC. Na sexta-feira está prevista uma quantidade maior de precipitação em relação ao dia 14. Ao longo desta semana, o vento soprará maioritariamente de sudoeste ou noroeste moderado a forte podendo atingir rajadas de 110 km/h na sexta-feira.

No Funchal (Madeira) prevê-se melhoria no estado de tempo para terça e quarta-feira, sem precipitação, com menor intensidade do vento e aumento da temperatura máxima para 20 ºC. Na quinta-feira há uma elevada probabilidade de se desenvolver trovoada e chuva, com vento até 53 km/h. Sexta-feira espera-se melhoria do tempo novamente.

Publicidade