Novembro foi um mês chuvoso

Ao contrário do ano passado, em que o mês de novembro foi considerado muito seco e quente, este ano tivemos um mês de novembro chuvoso mas normal em relação à temperatura do ar.

Teresa Abrantes Teresa Abrantes 14 Dez. 2018 - 06:22 UTC
Folhas do outono na água da chuva

Apesar de termos tido em meados de novembro alguns dias sem precipitação no continente, praticamente em todos os restantes dias tivemos sempre a ocorrência de chuva.

Precipitação

Segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), o valor médio da quantidade de precipitação, 178.0 mm, corresponde a cerca de 163% do valor normal, sendo considerado o valor normal a precipitação média no período 1971-2000.

Este foi o 4º novembro mais chuvoso desde 2000, como se pode verificar na figura. Valores da quantidade de precipitação superiores aos agora registados ocorreram em cerca de 20% dos anos (desde 1931).

Anomalias da quantidade de precipitação, no mês de novembro, em Portugal continental, em relação aos valores médios no período 1971-2000. Fonte: IPMA

Desde 1931, o maior valor da precipitação registada no mês de novembro ocorreu no ano 1963, seguindo-se o ano 1997. Neste mês de novembro é de salientar, a precipitação forte e persistente que ocorreu no dia 11 em especial nas regiões Norte e Centro e que deu origem a várias inundações, em particular na região de Lisboa, com valores de precipitação em 24h superiores a 60 mm. Na estação de Lisboa /Instituto Geofísico registaram-se 56.7 mm em 6 horas, com um máximo em 1h de 24.3 mm.

De destacar ainda que até ao dia 11 de novembro o total de precipitação ocorrido correspondia já a 92% do valor normal do mês de novembro; em algumas estações do Norte e Centro, já tinha sido ultrapassado o respetivo valor médio mensal.

Temperatura

Ainda de acordo com o IPMA o valor médio da temperatura média do ar foi de 11.87 °C, que é inferior ao normal em 0.50 °C. O valor médio da temperatura mínima, 7.91 °C foi igual ao valor normal e o valor médio da temperatura máxima do ar, 15.83 °C, foi 0.99 °C inferior ao normal como ilustrado na figura. Valores da temperatura máxima inferiores aos agora registados ocorreram em cerca de 35% dos anos (desde 1931).

Variabilidade da temperatura máxima e mínima do ar no mês de novembro, em Portugal continental. Linhas a tracejado indicam a média no período 1971-2000. Fonte: IPMA

Pela análise da série verifica-se que há uma ligeira tendência para subida da temperatura máxima média ao longo dos anos e que a partir dos anos 80 a anomalia da temperatura mínima média em relação à normal é superior à anomalia da temperatura máxima média.

Monitorização da Seca – Índice PDSI

De acordo com o índice meteorológico de seca PDSI (índice meteorológico de seca calculado pelo IPMA para monitorização da situação de seca) a 30 de novembro terminou a situação de seca meteorológica fraca a moderada que se verificava no final de outubro.

No final de novembro: 9.8 % do território estava na classe normal, 89.6 % na classe de chuva fraca e 0.6 % na classe de seca moderada, valores bem diferentes do final de novembro do ano passado com 50,4% do território em seca extrema, 46,8% em seca severa e 2,7% em seca moderada.

Publicidade