Inundações causam mortes e estragos no sudoeste da Índia

O panorama meteorológico no sudoeste da Índia tem estado complicado. Na sequência de chuvas torrenciais que causaram inundações, deslizamentos de terra, mortos e desaparecidos, o governo de Kerala procurou a assistência das Forças Armadas para operações de resgate. Confira as imagens impressionantes.

A chuva torrencial que caiu no sudoeste da Índia desencadeou inundações, deslizamentos de terras, transbordamento de rios e reservatórios a atingir o nível máximo de armazenamento. Devido a isso o governo de Kerala procurou a assistência do Exército, Marinha e Força Aérea para operações de salvamento, dado que várias cidades e centenas de casas ficaram inundadas. Mesmo assim, não conseguiram evitar a morte de seis pessoas e, pelo menos outras 15 estão desaparecidas. Este evento meteorológico extremo teve lugar nos distritos de Kottayam e Idukki, no centro de Kerala neste sábado, dia 16.

Tal como o Departamento Meteorológico da Índia (IMD) previra, as chuvas extremamente intensas atingiram todo o estado na noite passada, o que levou o governo a decretar alerta vermelho em seis distritos, proibindo a entrada em destinos turísticos e advertiu contra viagens em regiões montanhosas.

O Dr. S. Abhilash, do Departamento de Ciências Atmosféricas da Cochin University of Science and Technology (CUSAT), disse que este evento, parecido com um mini cloudburst, foi o que provocou as inundações e deslizamentos de terra repentinos. Segundo este cientista, um evento semelhante a este terá ocorrido em Malappuram, na região de Nilambur, em 2019.

Num comunicado oficial, o IMD disse que um intenso período de atividade pluviosa sobre a parte sul peninsular da Índia irá provavelmente continuar durante o dia de hoje, 17 de outubro.