21 de junho: “Stripes” para comunicar o aquecimento global

Meteorologistas e apresentadores dos boletins meteorológicos nas televisões de muitos países unem-se hoje, 21 de junho, para enviar uma mensagem sobre o aquecimento global.

Teresa Abrantes Teresa Abrantes 21 Jun. 2019 - 09:45 UTC
Listas ou “stripes” que representam o aquecimento em Portugal no período de 1901-2018. Fonte: Climate Central.

Um dos aspetos fundamentais relacionados com as alterações climáticas tem a ver com a comunicação do aquecimento do planeta ao público em geral. De forma a sensibilizar não só os governantes mas também o público, têm sido discutidas diferentes formas de comunicação sobre o aquecimento global.

É importante que essa comunicação seja feita de uma forma simples, direta e intuitiva de modo a alertar as pessoas para o que está a acontecer com a temperatura da atmosfera e do planeta.

As “Stripes”

A organização americana Climate Central, uma organização independente de cientistas e jornalistas, criou uma imagem visual, recorrendo a “stripes” ou listas, de diferentes cores, desde o azul ao vermelho, dependendo da temperatura da atmosfera para determinado período, que transmite de um modo bastante intuitivo a evolução da temperatura ao longo dos anos para um determinado região.

Os apresentadores dos boletins meteorológicos dos canais de televisão por todo o mundo têm um papel fundamental a nível da comunicação não só do tempo e dos eventos que ocorrem no dia a dia mas também a nível do clima.

Existe a nível mundial um Grupo, o World Wide Weather Group, destes apresentadores que se encontram uma vez por ano num Fórum e que mantêm um contacto permanente entre eles. Um dos objetivos deste Grupo é alertar e sensibilizar as pessoas para as alterações climáticas e encontrar meios que contribuam para que o público em geral seja sensibilizado para este assunto.

A fim de se chegar a um número cada vez maior de pessoas por todo o mundo e ter um impacto significativo, o Grupo destes apresentadores organizou-se de forma a que no dia 21 de junho de todos os anos transmitam nas televisões e redes sociais a informação sobre o aquecimento do planeta recorrendo aos “stripes” do local ou do país.

A Climate Central, além de ter criado “stripes” para centenas de locais, criou-os também a nível do globo, que reflete bastante bem o aquecimento que se tem verificado nos últimos anos no planeta.Desde que se tenha acesso aos dados históricos de temperaturas registadas em estações meteorológicas de determinada região é possível criar os respetivos “stripes” para essa região para determinado período.

Publicidade