Violenta tempestade de neve atinge a Islândia

Uma violenta tempestade de neve, com ventos fortíssimos, abateu-se sobre a Islândia nas últimas 48 horas. As rajadas de vento superaram os 200 km/h e o tempo extremamente adverso causou inúmeros problemas. Veja as imagens impressionantes!

Alfredo Graça Alfredo Graça 11 Dez. 2019 - 20:01 UTC

A pior tempestade do ano atingiu a Islândia ontem e hoje, fazendo com que o instituto meteorológico islandês ativasse os alertas amarelo, laranja e vermelho em todo o país. É a primeira vez que um alerta vermelho é emitido na Islândia desde que o novo sistema de alertas foi implementado há vários anos. O noroeste da Islândia tem experienciado um tempo severo, com rajadas máximas de vento ligeiramente superiores a 200 km/h. As autoridades aconselham os residentes e os turistas em todas as regiões a evitar viagens até à noite de hoje.

Várias cidades do Norte da Islândia, como Dalvík, Sauðárkrókur e Siglufjörður sofreram breves falhas de energia, mas foram reconectadas às linhas regulares ou energias de reserva. Dez equipamentos ao longo da linha elétrica de Kópasker foram destruídos pelos ventos fortes e podem levar dias ou semanas a ser reparados.

Muitos vôos foram cancelados, assim como houve encerramento de estradas. A última chegada de Keflavík foi ontem às 12h25 locais e a sua última partida às 13h11. Todos os vôos no aeroporto foram cancelados ontem à tarde e alguns vôos programados para hoje de manhã também foram atrasados ou cancelados. O risco de avalanches também é consideravelmente elevado em áreas de fiordes, sobretudo no norte do país.

Publicidade