Tempestades severas assolam o norte da Argentina

Tempestades severas tomaram conta do norte da Argentina causando inundações, granizo e trovoadas. O vento forte tem causado danos nas instalações elétricas em várias cidades. Estes são os registos do que aconteceu.

O calor intenso e a humidade elevada do ar têm sido a combinação perfeita para a formação de tempestades severas em várias regiões da Argentina nas últimas horas. A atividade mais intensa concentrou-se na região norte do país.

Nuvens gigantescas de tempestade descarregaram grandes volumes de água em poucos minutos em cidades como Río Tercero e Corrientes, onde as ruas se transformaram em verdadeiros rios, com a água a superar a altura das rodas dos veículos que se atreviam a conduzir nelas.

Para além da grande quantidade de água que caiu em poucas horas, trovoadas acompanhadas de chuva de granizo de tamanho médio afetaram algumas cidades. Em El Rodeo, o granizo formou uma cobertura branca no solo que se misturou com a chuva intensa que caiu na região.

As fortes rajadas de vento têm causado cortes de energia em algumas cidades. Os cabos elétricos foram danificados gerando curto-circuitos, como mostra o registo feito em La Rioja. Nos próximos dias, espera-se que a intensidade das tempestades no setor norte da Argentina diminua, embora um novo sistema deva atravessar o país durante o fim de semana, o que deverá ativar tempestades severas em grande parte do centro e norte da Argentina.