StoreWindows10

Tempestade de granizo impressionante na Arábia Saudita

Esta semana está a ser marcada por chuvas torrenciais e queda de granizo na Arábia Saudita. As tempestades provocaram inundações, encerramento de vias e queda de energia.

Alfredo Graça Alfredo Graça 09 Nov. 2018 - 14:09 UTC

Desde que a semana iniciou tempestades têm vindo a atingir a região do Médio Oriente, sobretudo na Arábia Saudita e no Kuwait, alvos de chuvas torrenciais, queda de granizo e tempestades de areia provocadas pelos ventos fortes.

A faixa litoral oeste, respeitante ao Mar Vermelho, foi a região mais afetada da Arábia Saudita. Em Jazan, a Autoridade Geral de Meteorologia e Proteção Ambiental (PME) alertou as pessoas para que que evitassem vales e tivessem atenção ao nível da água superficial. Em Jeddah, o volume equivalente de 123 mil metros cúbicos foi escoado de 248 ruas e 150 estradas, após as fortes chuvas. Já no Kuwait, escritórios do governo, escolas e o prédio da bolsa de valores tiveram que ser fechados por conta das inundações.

Na quarta-feira (07), formaram-se instabilidades na área mais central da Arábia Saudita que provocaram tempestades com queda de granizo do tamanho de ovos de galinha. As imagens mostram a tempestade e a velocidade impressionante da queda das pedras de gelo na cidade de Qassim.

Publicidade