Aguaceiro causou fortes inundações em Guayaquil, Equador

Um forte aguaceiro assumiu o protagonismo do tempo nos últimos dias na cidade portuária de Guayaquil, Equador. As inundações graves obrigaram ao encerramento do aeroporto durante algumas horas e as ruas pareciam autênticos rios. Veja o vídeo!

Em Guayaquil, cidade portuária no Equador, conhecida como uma porta de entrada para as praias do Pacífico e para as Ilhas Galápagos, um forte aguaceiro assumiu o protagonismo meteorológico nos últimos dias. A chuva torrencial afetou várias partes da cidade nos últimos dias, em particular na tarde do passado 8 de março (noite em Portugal continental), quando ocorreram graves inundações devido à abundante acumulação de água num curto espaço de tempo.

Um exemplo disto foi o vivido na Avenida Carlos Julio Arosemena, no norte da cidade, onde o trânsito intenso foi registado durante mais de uma hora. No vídeo podemos ver vários transeuntes a movimentarem-se com a água pela cintura, e ao mesmo tempo a procurarem abrigo da poderosa força das águas que faziam lembrar autênticos rios. Nalguns pontos da urbe foi necessário recorrer a baldes para tirarem a água das suas casas.

Os residentes mostraram-se preocupados porque o canal passou os limites da rua, o que misturado com a água da chuva poderia trazer consequências graves. Entretanto, a Agência Municipal de Trânsito (ATM) advertiu os cidadãos para conduzirem com cuidado devido ao excesso de água acumulada.

Outras infraestruturas, como o Aeroporto Internacional José Joaquín de Olmedo e o metro, viram o seu normal funcionamento ser afetado devido a este episódio meteorológico severo, tendo ficado inoperacionais durante algumas horas. Entretanto, a normalidade foi restaurada na cidade equatoriana.